McDonald’s intensifica estratégia de preço para crescer na classe C
Plataforma inclui, a cada três meses, um item do cardápio da rede com valor promocional, além de sanduíches desenvolvidos em edição limitada, como o atual Triplo Cheese Burguer
 
 

Por Leticia Muniz

Há três anos, o McDonald’s atua no Brasil com a plataforma “Pequenos Preços” que oferece, a cada três meses, diferentes produtos do cardápio a valores promocionais, além de sanduíches desenvolvidos em edição limitada, como o recente Triplo Cheese Burguer. A estratégia tem como foco principal atrair os consumidores da Classe C, que até então não possuíam renda compatível com os preços praticados pela rede, e ganhar uma fatia de mercado dominada principalmente pelas redes de menor porte.

A escolha pela inclusão dos clássicos na plataforma faz parte da estratégia do McDonald’s de oferecer aos novos consumidores uma experiência de consumo da marca, fazendo com que se tornem clientes fiéis no futuro. Um dos maiores sucessos no período foi a ação realizada entre os meses de abril e junho de 2011, com a inclusão do Big Mac nas promoções, um dos grandes ícones da marca.

A Classe C vem sendo estudada pelo McDonald’s há pelo menos 10 anos e o restaurante, que tinha um portfólio de preço basicamente voltado para as classes AB vem se adaptando também para esse nicho de mercado. “Quando pego um artigo como o Quarteirão ou o McChicken e promociono, faço com que esse consumidor tenha contato com o DNA da empresa, porque eles carregam uma imagem de marca, de sabor”, explica Roberto Gnypek, Diretor de Planejamento de Marketing da Arcos Dourados, empresa que administra a marca McDonald’s na América Latina, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Portfólio democrático

Hoje, a rede trabalha no Brasil com um portfólio que inclui a linha clássica, a promocional e uma premium, voltada para as classes AB. A estratégia é ampliar o que é oferecido como uma forma de atender os diferentes tipos de públicos de forma semelhante, ganhando um maior espaço no mercado de fast food. “Antes éramos muito classe AB e hoje temos uma grande fatia de Classe C, mas olhamos para ambos, mantemos uma estratégia muito forte para as duas classes. O resultado disso vem sendo positivo e estamos em um momento de crescimento importante. Esta estratégia que adotamos tem se mostrado eficiente e vem aumentando a nossa base de consumidores”, completa o executivo.

Além da chamada Nova Classe Média, a plataforma diferenciada busca também o público jovem, com menor poder de compra, e as famílias, já que, dependendo do número de membros, o valor do lanche pode pesar no bolso. Para isso, O McDonald’s oferece a possibilidade de personalização das McOfertas, que podem ser complementadas com itens disponíveis nas promoções. Apesar de não abrir números, a rede divulga que a plataforma é responsável por uma fatia considerável das vendas nos restaurantes do país.

As promoções vêm resultando em um aumento na demanda de clientes nos pontos de venda e, consequentemente, exigindo da marca um maior investimento em recursos humanos e treinamento. Para garantir aos consumidores um bom atendimento, o McDonald’s implantou uma política diferenciada no Drive Thru: caso o cliente não seja atendido em 30 segundos, recebe um Big Mac gratuitamente. “Queremos mostrar que nossos restaurantes estão cheios, mas o tempo de atendimento não piorou, a qualidade não mudou. A relevância para nossos consumidores é a mesma, e agora as outras classes também estão podendo usufruir disso”, conta Gnypek.

 
Fonte: mundodomarketing.com.br

Have too often for cash advance loans people who practice responsible lending industry?
 
 
 

Últimas Notícias

 
Mais Notícias
  Em Foco
WORKMAP - Geomarketing
Potencial de Consumo - IPC NEXION
Feiras e Eventos
Fale Conosco
GRAACC - Você pode ajudar
Galeria de Vídeos
Carta do Mês
Livro DM
Case 447 - A DECISÃO DEFINE O NORTE
Depoimento de Clientes
Como Melhorar o Desempenho da Área Comercial da sua Empresa
Cadastre-se